quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Relfetindo







REFLETINDO

Não
pretendas
nem
esperes
palmilhar
estradas
grávidas
de
luz.


As trevas
também
brotam
ao redor
dos teus
dias.
Segue
tecendo
a fé
Naquele
que te conduz.

(R.M. Cardoso)

Nenhum comentário:

Postar um comentário