domingo, 11 de outubro de 2015

Até Quando?


ATÉ QUANDO?

Até quando derramaremos o sangue inocente
Até quando aprenderemos a ser com o outro coerente
Ate quando pisaremos em solo infértil de afeição
Quando não existir mais vidas, tolerância e constituição?

O que deixaremos para o futuro de nossos filhos e netos?
Tantas lutas e guerras por mãos humanas nada gentis
Tantas vidas ceifadas por tantos cérebros inquietos..
Que só trás nos lábios a ganância e no coração os fuzis

Até quando fingiremos que não temos nada com isso
Será que não consiguiremos arcar com o compromisso
Será mais fácil equilibrar a natureza sendo c'o povo omisso?

Será que um dia veremos o Sol literalmente brilhar a todos?
Certa vez, ouvi dizer que o Brasil é um 'país de todos',
Ou será que entendi errado, será um país de muros e tolos?

Simone Medeiros
10/10/2015
Ilustração: Cardozo Vieira


Nenhum comentário:

Postar um comentário